sábado, 1 de janeiro de 2011

Primeiro Post de 2011

1 de Janeiro de 2011, este ano serei mãe, é já para o mês que vem e ainda não me mentalizei... 2010 foi um ano diferente, há um ano atrás estava a "abandonar" a minha vida de sempre, a fazer a minha mala e a embarcar para outra cidade. Para mudar de vida. Para não sofrer. Para não fazer sofrer. Tentei aparentar felicidade na despedida, convencer-me e convencê-lo que era para bem dos dois. Ele não acreditou. Ficou infeliz. Eu, camuflei a minha infelicidade, com risos e alegria que na realidade não sentia. Chorámos muito. Nunca deixámos de nos falar, e estivemos separados pela primeira vez em 17 anos de vida em comum. E foi dificil, explicar aos que gostavam de nós que tinha de ser assim. Pela primeira vez, ele mostrou-se frágil e eu assustei-me. Nunca o quis fazer infeliz, apenas queria que ele tivesse uma vida. Um filho que eu não lhe podia dar. E eis que sou eu que engravido, na primeira vez em 17 anos que me envolvi com outra pessoa. 1 vez, irrepetivel... O meu bebé não é filho do meu amor pelo Nuno, não é um "fruto do amor", mas será amado por nós. Eu e o Nuno saberemos dar-lhe amor, transmitir-lhe o nosso amor. Começo 2011, feliz ao lado do homem que amo e ansiosa pela vinda do Rafael. Assustada, porque não sei como vai reagir o pai biológico. E decidida a lutar pelo meu filho e por uma vida melhor ao lado daquele a que posso chamar marido. Quero que 2011 seja memorável, e de hoje a um ano, quero muito, muito, mas mesmo muito estar aqui a escrever que foi o melhor ano da minha vida.

A todas um 2011 perfeito!!!

1 comentário:

Mamã do Príncipe Pipoca disse...

Será de certeza um grande ano. Nós temos a incrível capacidade de ultrapassar todos os obstáculos pela felicidade dos nossos filhos.
Beijinhos